faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Einstein promove treinamento de atendimento a múltiplas vítimas de incêndio

Article-Einstein promove treinamento de atendimento a múltiplas vítimas de incêndio

simulaçao-de-incendio-einstein.png
Com a participação de mais de 500 pessoas, a atividade encenará um princípio de incêndio com necessidade de retirar vítimas e transferrir pacientes.

No dia 19 de maio, profissionais da saúde e agentes de forças públicas e privadas participarão do 8º Simulado de Integração das Forças Públicas e Privadas da cidade de São Paulo, organizado pelo Einstein. O exercício envolverá um princípio de incêndio na unidade do Morumbi, com necessidade de acionamento do Plano de Abandono para retirada das vítimas do hospital e ativação do Plano de Auxílio Mútuo Hospitalar (PAMH) para transferência dos pacientes mais críticos a outras unidades hospitalares da capital paulista. 

Capacitação das equipes para situação de catástrofe

O objetivo do simulado é treinar e capacitar equipes para responder a catástrofes de grande proporção, além de integrar as forças públicas e privadas na resposta a acidentes inesperados. A atividade contará com a participação de mais de 500 pessoas, incluindo voluntários, profissionais de saúde e segurança, além de hospitais do município de São Paulo, como o Einstein (unidades Morumbi, Perdizes e Hospital Municipal Dr. Moysés Deutsch – M'Boi Mirim) e a Beneficência Portuguesa de São Paulo (unidades Paulista e Mirante). 

Ao todo, serão 43 pacientes com diferentes classificações de risco: 30 vítimas sem restrição de mobilidade, que terão menor grau de urgência de atendimento; sete vítimas com restrição parcial de mobilidade, que necessitarão de continuidade de tratamento; e seis vítimas com mobilidade restrita e de maior complexidade, casos mais graves. 

"A importância desse exercício é capacitar cada órgão e instituição para uma situação real. A união das forças de saúde e segurança possibilita aos profissionais um maior preparo físico, técnico e emocional para enfrentar o problema, beneficiando toda a comunidade," explica Dov Smaletz, Superintendente de Segurança Patrimonial do Einstein e um dos idealizadores e organizadores do simulado. 

Para Fabio Racy, médico especialista em Medicina de Desastre e Catástrofe do Einstein, "o cenário é muito desafiador, mas é uma possibilidade para a qual temos que estar preparados, não só para lidar com o princípio de incêndio, mas também para a necessidade de abandono e transferência de pacientes críticos que necessitam da continuidade do cuidado, mesmo em outra instituição de saúde. Tudo isso proporciona treinamento e capacitação para as equipes, o que é importante para os pacientes, colaboradores e instituição." 

Além do Einstein, a iniciativa conta com a participação da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), CON7 Emergências Médicas, Defesa Civil do Estado de São Paulo, Grupo de Resgate e Atenção às Urgências e Emergências (GRAU), Polícia Civil (Departamento de Operações Policiais Estratégicas - DOPE com GARRA e SAT), Instituto de Identificação Ricardo Gumbleton Daunt (IIRGD), Skyline Aviation Intensive Care (Helicóptero), Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de São Paulo e Osasco, Hatzala Brasil, Home Doctor, Beneficência Portuguesa de São Paulo, Hospital Municipal Dr. Moysés Deutsch – M'Boi Mirim, Medicar Soluções em Saúde, Simuladores Médicos: MOGIGLASS/GAUMARD e Safety2u. 

8º Simpósio Internacional de Gerenciamento de Resposta em Catástrofe

Além da simulação de incêndio, nos dias 17 e 18 de maio, o Einstein promve, em formato híbrido, o 8º Simpósio Internacional de Gerenciamento de Resposta em Catástrofe. O evento  fomenta discussões e traz informações sobre desastres recentes, atendimento pré-hospitalar, gestão de crise, missões humanitárias, bem como abordar fatos relevantes relacionados à saúde e segurança. 

Os temas destacados no evento incluem a recente Missão Koripako (missão assistencial na “Cabeça do Cachorro”, fronteira entre Amazonas e Colômbia), emergências químicas, incêndios florestais, dengue e plano de auxílio mútuo hospitalar. Além disso, serão discutidos assuntos relacionados à guerra em Israel, Simulado Estadual do Corpo de Bombeiros, organização da Polícia Civil para emergências e desastres, segurança nas escolas e demais atualizações com a apresentação de seis artigos científicos submetidos ao simpósio. 

A atividade contará com a participação de importantes nomes como Gabriel Zahora, integrante do Corpo de Bombeiros de Fort Lauderdale; Capitão Ruben Hernandez, do Departamento de Silvicultura e Proteção contra Incêndios da Califórnia; e Capitã Gladys Cuevas Sanhueza, membro do Corpo de Bombeiros do Chile. O evento tem carga horária prevista de 30 horas e oferece certificado aos participantes. 

O simpósio é destinado a profissionais da área da saúde, incluindo médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, psicólogos, técnicos de enfermagem, profissionais ligados à ação humanitária, resgate e atendimento pré-hospitalar, administradores públicos e hospitalares, gestores de crise, emergências e desastres, veterinários, educadores, profissionais ligados às áreas de segurança privada e pública, como polícia militar, civil, federal, guarda civil metropolitana, bombeiros militares e civis, defesa civil e forças armadas, além de estudantes de graduação das áreas ligadas à formação profissional e médicos residentes. 

Ficou interessado? Inscreva-se para o Simpósio.